Os dez cursos mais procurados pelos estudantes PDF Imprimir E-mail
Avaliação do Usuário: / 27
PiorMelhor 
Carreira e emprego - Orientação vocacional
Escrito por Samuel de Sousa Santos   
Dom, 23 de Novembro de 2008 00:46

LUCIANE MEDIATO

Os 10 cursos mais concorridos no Brasil são Medicina, Publicidade e Propaganda, Nutrição, Farmácia, Ciência da Computação, Direito, Relações Internacionais, Arquitetura e Urbanismo, Enfermagem e Psicologia, de acordo com a pesquisa realiza pelo portal do vestibulando "Seja Bixo", com base nos processos seletivos de 2007.

“Ao todo escolhemos 46 instituições em 18 Estados brasileiros. Avaliamos os vestibulares, selecionamos os cinco cursos mais concorridos de cada vestibular. A partir daí calculamos as concorrências médias. Após este resultado, classificamos os 10 cursos que apresentavam as maiores concorrências”, explicou Ana Caroline Eden, jornalista do portal.

Para o cardiologista Giovanni Passarelli, 39, ser médico é uma questão de amor ao próximo. “Diariamente lidamos com atendimentos aos seres humanos que estão em estado grave ou não. E é nesse cenário de fragilidade que o profissional da saúde atua. Muitas faculdades estão apenas preocupadas com lado técnico da profissão e esquecem de humanizar o estudante. Hoje o mercado valoriza muito o médico que gosta de lidar com pessoas”, explicou Passarelli.

A Publicidade é conhecida pela área da criação que também é a mais concorrida, explica o publicitário Antonio Freitas Galvão, 57. "No entanto o campo de atuação é amplo, os estudantes que se formam normalmente trabalham nas áreas de desenvolvimento de estratégias, pesquisa de mercado e promoções. Também há boas oportunidades em agências de publicidade, de promoções e eventos, merchandising, comunicação dirigida, assessoria de imprensa e marketing direto", avaliou Galvão.

O profissional da nutrição pode atuar em vários setores da economia como hospitais, clínicas, restaurantes, padarias, academias, spas entre outros. “A nutricionista determina um tipo de cardápio que supra os nutrientes necessários para cada individuo. Além disso, orienta dietas para pacientes obesos, diabéticos ou com doenças renais e supervisiona os produtos que serão utilizados na produção dos alimentos industrializados", disse a nutricionista, Marta Pacheco, 48.

De acordo com dados do Mec (Ministério da Educação), existem no país 23. 304 cursos de graduação presenciais e de educação a distância, oferecidos por 1.907  instituições de ensino. Dentre os cursos existem os de formação tecnológicas e os de graduação.

Os tecnológicos são abertos a candidatos que tenham concluído o ensino médio. E proporcionam uma formação especializada em áreas como administração, design, automobilismo entre outras. O estudante não precisa obrigatoriamente passar por um processo seletivo, depende da instituição escolhida e ao final do curso tem um diploma de tecnólogo, declarou Maurício Petra, pedagogo da Secretária de Educação Profissional e Tecnológica do Mec.

“Nos de graduação o aluno tem que passar por um processo seletivo e recebe o diploma de Bacharelado, Licenciatura que pode ser plena curta ou de primeiro grau. Normalmente esta modalidade de formação dura entre quatro e seis anos”, disse Petra.

Atualmente muitos jovens procuram os cursos tecnológicos pela questão de tempo e por causa das baixas mensalidades, afirmou Petra.
Fonte: Universidade Metodista de São Paulo